Proinov fecha portas após 11 anos de atividade na formação profissional

A empresa nascida em 2005 na sequência do Prémio Madeira Inovação Empresarial atribuído pelo Centro de Empresas e Inovação da Madeira fechou portas.

A criação da Proinov teve por base o desenvolvimento de atividades ligadas à tecnologia e formação, nomeadamente, a multimédia, informática e formação em e-Learning.

Contudo, 11 anos depois, não resistiu ao tempo.

A Proinov teve nos últimos anos a formação como atividade principal e ficou muito dependente do Fundo Social Europeu.

Ao fim de quase três anos e meio do início do atual Quadro Comunitário de Apoio, só recentemente a empresa recebeu a primeira aprovação de um projeto de formação (CETs), que, nos últimos dois anos, estava a aguardar para “daqui a dois meses”.

“Infelizmente esta situação provocou uma situação de colapso financeiro da empresa que se viu forçada a encerrar a sua atividade. Como tal, todas as inscrições nos nossos cursos estão a partir deste momento canceladas, pelo que lamentamos o impacto que esta situação poderá provocar àqueles que pretendiam aperfeiçoar a sua formação e ter uma melhor perspectiva de emprego e de futuro através da nossa oferta formativa”, revela a empresa.

A Proinov agradece a confiança, colaboração e interesse colocados na empresa ao longo destes 11 anos de existência e deseja “que o futuro seja de sucesso” para os seus formandos.

Um “Até sempre!”, foi a última nota da Proinov.