CDS e Rafael de Sousa apoiam movimento independente “A Ribeira Brava Primeiro”


O presidente do CDS-PP-M, António Lopes da Fonseca, reuniu-se esta tarde com o presidente da concelhia do CDS-PP Ribeira Brava, Rafael de Sousa. Desse encontro de trabalho, informa o partido, resulta a formalização pública do apoio do CDS-PP ao movimento independente “A Ribeira Brava Primeiro”, encabeçado pelo ainda presidente da Câmara, Ricardo Nascimento.

O presidente do partido acompanhou todo este processo, refere uma nota. Desde que foi eleito afirmou que o CDS apenas apoiaria movimentos independentes e que, caso a caso, tal seria decidido em conformidade com as decisões das referidas concelhias.

É o caso da Ribeira Brava, “onde a população dá sinais de preferir o projecto que a partir de agora é liderado por Ricardo Nascimento e Rafael de Sousa”.

Um comunicado da Comissão Política Concelhia do CDS-PP Ribeira Brava refere, efectivamente, que ficou decidido apoiar a candidatura do movimento independemte de Ricardo Nascimento “Ribeira Brava Primeiro”. A posição do CDS-PP Ribeira Brava é explicada por Rafael de Sousa do seguinte modo: “Estamos no segundo mandato com um vereador municipal. Nunca antes de dois mil e nove o CDS, na Ribeira Brava, tinha conseguido eleger um vereador com novecentos e oitenta e um votos e em dois mil e treze. Fomos eleitos novamente, com mil trezentos e oitenta e um votos. Desde então tem sido um trabalho diário de contacto com a população e com a apresentação de propostas, na casa das quarenta, que têm contribuído para melhorar a vida dos ribeirabravenses”

“A desistência da candidatura do CDS-PP, nestas eleições às autárquicas do dia 1 de Outubro de 2017, na Ribeira Brava”, prossegue, “é uma desistência em nome do interesse colectivo de toda a população e esse motivo, só por si, faz todo o sentido porque o Concelho e os Ribeirabravenses estão em primeiro lugar”

Para Rafael Sousa, mais importante do que os lugares que os candidatos do CDS-PP irão ocupar nas listas de candidatos para os diferentes órgãos autárquicos, é em conjunto, os projectos, as ideias e as soluções para os problemas da Ribeira Brava, em parceria com quem sempre mostrou vontade e empenho em ajudar os ribeirabravenses.

Ricardo Nascimento, diz Rafael Sousa, “apresenta uma equipa completamente renovada e equilibrada, formada pela experiência de autarcas e pela força de uma juventude que sabe o que quer para o futuro do concelho. Os autarcas do CDS-PP, por sua vez, têm trabalho realizado com seriedade, em prol das populações, e este novo projecto político tem muito a ganhar com os anos de experiência política nos diferentes órgãos autárquico do concelho”.

Por isso, o CDS diz agora que vai apoiar “quem sempre esteve aberto e disponível para aprovar as nossas propostas, quer na Câmara Municipal, quer na Assembleia Municipal. Propostas que já fazem parte do quotidiano do ribeirabravenses e que são um contributo importante para o desenvolvimento do Concelho da Ribeira Brava. São propostas que passam pela ajuda às famílias e jovens, pela criação de emprego e pela ajuda aos mais necessitados, sem esquecer os agricultores, o comércio e o turismo. Queremos ser participantes ativos no futuro do concelho, ajudar os ribeirabravenses e participar no desenvolvimento da Ribeira Brava, porque, para o CDS, hoje e sempre “Ribeira Brava Primeiro”, conclui.