Missa do Parto na Sé com o pessoal das Secretarias da Educação e Agricultura e Pescas

parto-principal-se
Fotos FN.

As portas da Sé Catedral abriram-se esta manhã para a celebração de mais uma missa do parto com a participação dos funcionários das Secretarias Regionais da Educação, da Agricultura e Pescas, bem como do Centro de Desenvolvimento Comunitário do Funchal.

parto-1Os secretários regionais Jorge Carvalho e Humberto Vasconcelos marcaram presença nesta celebração, orientada pelo Cónego Vítor Gomes e animada pelos tradicionais cânticos em homenagem à Virgem do parto.

parto-coro-2Na homilia, o sacerdote aludiu à I Leitura sobre o Livro do Cântico dos Cânticos que celebra o amor nupcial entre Deus e o seu povo. Referindo-se ao Evangelho segundo São João Lucas, realçou que o amor de Deus salva o homem das derivas.

 

“A vida cristã, se não é resposta ao amor de Deus, se não faz vibrar as fibras mais profundas do nosso coração, cai na rotina e desliga-se da vida. A fé é a seiva mais profunda do nosso ser”.

parto-corroO sacerdote apelou ainda à renovação do encontro com Deus: Jesus desperta-nos para que possamos renascer para uma vida mais feliz. A Igreja continua a missão de Maria porque está sempre de saída. O melhor presente que os pais podem dar aos filhos para além da educação é o testemunho de fé vivida na comunidade”.

Após a missa do parto, a habitual festa da população, no adro da Sé, com o cacau quente, os licores e as broas da época.

Nas Secretarias Regionais da Educação e da Agricultura e Pescas, o dia de trabalho começou com um convívio natalício, servido pelo cacau quente e a doçaria da quadra.