PS preocupado com ponte nos Prazeres

sofia_canha001O Grupo Parlamentar do PS-M manifestou hoje a sua preocupação e exige condições de estabilidade inequívoca da ponte que liga o Estreito da Calheta à freguesia dos Prazeres.

Num comunicado assinado pela deputada Sofia Canha, o PS diz que os utentes da ponte precisam urgentemente de fundamentos que dissipe qualquer dúvida em termos de segurança e garantias que a sua integridade física está salvaguardada.

“O presidente da junta de freguesia dos Prazeres alertou, e bem, para uma situação que preocupa os utentes que utilizam a ponte de ligação entre o Estreito da Calheta e os Prazeres. Pouco tempo depois da sua construção, a ponte começou a revelar sinais que poderiam ser indiciadores de pouca estabilidade, dado o desnível visível nos tabuleiros entre os pilares. Não sendo a primeira vez que este alerta é feito, o PS ficou preocupado com a resposta pouco assertiva e sem sustentação técnica cabal que a Secretaria Regional dos Assuntos Parlamentares e Europeus deu. Aliás, diz que “haverá uma solução técnica para ultrapassar o problema”. Ou seja, reconhece um problema”, revela o comunicado.

“A questão que se coloca é, se o governo pode garantir, apresentando argumentos técnicos sólidos, que há condições de segurança para a circulação automóvel naquela infraestrutura neste momento. Esperemos que não seja necessário haver uma ocorrência dramática para que haja intervenção e uma atuação adequadas por parte do governo”, remata.