Estranha circular do SESARAM a ‘ensinar o padre nosso ao senhor vigário’

sesaram

A 15 de Julho último, a nova presidente do Conselho de Administração do Serviço de Saúde da Madeira (SESARAM), Lígia Correia assinou uma circular normativa, no mínimo, enigmática.
O Estepilha ficou a matutar no que terá motivado orientações tão específicas quanto estas: “A administração de medicamentos em suspensão oral só poderá ser efectuada utilizando copo ou colher medida”.
Será que a presidente do SESARAM quis ‘ensinar o padre nosso ao senhor vigário’ explicando aos enfermeiros que há remédios que se tomam pela boca e outros pelas veias?
O Estepilha não é de intrigas e não quer crer que a administração tenha sido incomodada para emitir uma circular após alguma bronca do género alguém ter administrado Brufen xarope por via endovenosa em vez da via oral.