Red Bull Cliff Diving World Series 2015 em S. Miguel

Red Bull Cliff Diving World Series 2015 - S. Miguel - Ilhéu de Vila Franca do Campo
Red Bull Cliff Diving World Series 2015 – S. Miguel – Ilhéu de Vila Franca do Campo

*Com Lília Castanha

Os Açores, nosso arquipélago irmão, foi palco este fim de semana de mais uma etapa do Red Bull Cliff Diving World Series. À semelhança dos anos anteriores, a prova desenrolou-se no ilhéu de Vila Franca do Campo, em São Miguel, classificado como reserva natural desde 1983. O evento tem tido um retorno muito favorável para Portugal e, em particular, para este arquipélago.

É o maior evento de saltos para a água em ambiente natural a nível mundial e foi o primeiro ano em que participaram elementos do sexo feminino em S. Miguel. As oito melhores especialistas do mundo em saltos para a água de grande altura certamente não sofrem de vertigens nem são mulheres para hesitações.

Foto retirada da página de Facebook  Red Bull
Foto retirada da página de Facebook Red Bull

No caso da competição  masculina a altura máxima permitida é de 28 metros e a mínima de 26,5, o que corresponde a um prédio de oito andares. Os atletas dispõem de três segundos para executarem as manobras desde a saída à entrada na água, sendo o salto feito de uma plataforma de 1,5m de comprimento. E, por incrível que pareça, os praticantes atingem velocidades entre os 85 e os 90 km por hora suportando uma força correspondente a cinco vezes ao seu próprio peso. No caso de algo correr menos bem,  estão sempre na água uma equipa com três mergulhadores para socorrer o atleta assim como um barco com os paramédicos.

Foto retirada da página de Facebook Red Bull
Foto retirada da página de Facebook Red Bull

Os saltos são avaliados por um júri formado por cinco juízes que observam três parâmetros: saída da plataforma, trajetória área, entrada na água e o grau de dificuldade do salto.

Na competição feminina, a norte-americana Cesille Carlton chegou, viu e venceu naquela que foi a primeira vez que o circuito feminino passou pelos Açores. A mexicana Adriana Jimenez e a norte-americana Ginger Huber ficaram no segundo e terceiro lugares. O primeiro lugar masculinos foi alcançado pelo inglês Gary Hunt que assegurou um acumulado de 471,80 na final da prova que desenrolou-se este sábado em São Miguel. Em segundo lugar ficou o mexicano Jonathan Paredes com 450,90 e em terceiro Andy Jones com 412,90.

A próxima etapa será a 15 de Agosto na Bósnia Herzegovina como podemos verificar no calendário de 2015

CALENDÁRIO| 2015

RED BULL CLIFF DIVING WORLD SERIES

25 abril | Cartagena, COLÔMBIA
17 maio| La Rochelle, FRANÇA
30 maio| Lago de Possum Kingdom, Texas, U.S.A. | COMPETIÇÃO MASCULINA E FEMININA
20 junho| Copenhaga, DINAMARCA
18 julho| S. Miguel, Açores, PORTUGAL | COMPETIÇÃO MASCULINA E FEMININA
15 agosto| Mostar, BÓSNIA HERZEGOVINA
13 setembro| Polignano a Mare, ITÁLIA | COMPETIÇÃO MASCULINA E FEMININA
26 setembro| Bilbao, ESPANHA

Vai um mergulho?