Morreu Luís Francisco Melo que já foi diretor do Arquivo Regional da Madeira

Grupo de funcionários do Arquivo Regional da Madeira e da DRAC, na apresentação do n.º 3 da revista ‘Islenha’, 16-12-1988, no Convento de Santa Clara. O Dr. Melo é o segundo, a contar da direita.” (in Facebook Nelson Veríssimo)
Luís Francisco de Sousa Melo, antigo diretor do Arquivo Regional da Madeira faleceu hoje.
O FN reproduz a nota que o historiador Nelson Veríssimo publicou na sua página pessoal do facebook sobre esta perda.
“Faleceu hoje Luís Francisco de Sousa Melo (1936-2022), antigo director do Arquivo Regional da Madeira, exímio paleógrafo, genealogista e historiador, que dedicou particular atenção à emigração e às manifestações culturais madeirenses, em especial, o teatro.
Natural da ilha de São Miguel, Açores, onde nasceu em 26 de Julho de 1936, radicou-se no Funchal há mais de cinquenta anos, tendo sido professor da Escola Industrial e Comercial do Funchal (actual Escola Secundária Francisco Franco).
Da sua obra, saliento a transcrição do Tombo 1.º do Registo Geral da Câmara Municipal do Funchal, publicada no ‘Arquivo Histórico da Madeira: Série documental’, vols. XV-XIX, (1972-1990), fonte fundamental para o conhecimento da Madeira nos séculos XV e XVI, amplamente citada na historiografia.
A Madeira deve-lhe muito”.
O FN endereça a toda a família sinceras condolências.