Ladrão de telemóveis azarado viu-se perseguido por cinco polícias de folga e mais um vigilante

A Polícia de Segurança Pública informa que deteve um indivíduo com 32 anos,  no passado dia 14 do corrente, desempregado, por furto de um telemóvel. O ladrão fugiu a pé após o furto, encetando um percurso entre a Câmara Municipal do Funchal e a Rua da Queimada de Baixo.

De acordo com o comando da PSP-Madeira, o lesado encontrava-se sentado, nas traseiras dos Paços do Concelho, no cruzamento da Rua 5 de Outubro com a Rua do Marquês do Funchal, quando por meio de astúcia o suspeito lhe retirou o telemóvel e iniciou fuga apeada.

Porém, o ladrão teve mesmo azar, pois, segundo narra a PSP, nada menos do que “5 Polícias deste Comando Regional, que se encontravam na sua hora de folga, a almoçar num estabelecimento comercial ali próximo, aperceberam-se que um indivíduo era perseguido por um vigilante, e de forma abnegada e diligente iniciaram perseguição ao suspeito, vindo a interceptá-lo na Rua da Queimada de Baixo”.

Com esta atitude, refere o Comando, foi possível interceptar o indivíduo e recuperar o telemóvel tendo o detido sido notificado para comparecer perante o Tribunal, no dia seguinte tendo o processo transitado para inquérito.