Turista polaca resgatada na montanha de madrugada, já em hipotermia

O Comando Regional da PSP Madeira, os Bombeiros Voluntários de Santana e a Polícia Florestal deram hoje conta das diligências relacionadas com o socorro e salvamento efectuado a uma cidadã polaca de 33 anos, de férias na Ilha da Madeira, após um pedido de socorro que a mesma realizou pelo número de emergência 112.

Ontem, pelas 19h00, a cidadã, que se havia proposto a efectuar o percurso pedestre Ribeiro Frio – Pico do Areeiro – Pico Ruivo – Curral das Freiras, contactou o número de emergência nacional (112) alertando que se encontrava perdida e necessitava de auxílio.

De imediato, explica a PSP. foi accionada a Brigada de Busca e Socorro, Salvamento e Resgate em Montanha desta Polícia e dado conhecimento ao Serviço Regional de Protecção Civil, que por seu turno accionou os Bombeiros Voluntários de Santana e a Polícia Florestal.

“Cientes do perigo de vida em que a cidadã se encontrava decorrente das condições climatéricas adversas, com temperaturas extremamente baixas, neve, vento forte e chuva, foi de imediato dado início às diligências de busca, percorrendo as equipas accionadas os trilhos dos percursos pedestres iniciados no Curral das Freiras e na Achada do Teixeira com vista a uma mais célere localização e socorro da vítima”, refere a Polícia de Segurança Pública.

“Concomitantemente, sendo possível contacto telefónico com a vítima, através de diligências de georreferenciação, foi possível à Polícia de Segurança Pública proceder à sua localização exacta, permitindo que a vítima fosse avistada pelas 22h00 junto à Vereda Lombo dos Portais, fora de trilho e em zonas de escarpa”, refere a nota da PSP às Redacções.

Não obstante esta localização, e atendendo ao local de difícil acesso em que se encontrava, permanecendo imóvel fora do trilho recomendado, em sério risco de queda, o seu salvamento apenas foi concretizado pela 01h00 da madrugada, pelos Bombeiros Voluntários de Santana, cujos meios conseguiram aproximação segura e socorro da vítima.

A cidadã, que já se encontrava em estado de hipotermia, foi seguidamente evacuada pelo trilho de regresso à Achada do Teixeira, tendo sido dado por terminado o socorro às 04h00, sendo a vítima transportada pelos Bombeiros Voluntários de Santana para as urgências do Centro de Saúde de Machico para avaliação médica.

O sucesso desta operação, salienta a PSP, “só foi possível pela excelente colaboração das três instituições envolvidas, coordenadas no terreno pelo Bombeiros Voluntários de Santana, que desenvolveram a sua acção durante nove horas num cenário com condições extremamente difíceis devido às condições atmosféricas e ao terreno onde se desenrolaram”.

Participaram nesta operação 6 elementos da Brigada de Busca e Salvamento em Montanha da PSP; 6 elementos do Bombeiros Voluntários de Santana e dois Guardas da Polícia Florestal, com o apoio de 6 viaturas.

“Apela-se, portanto, a todos os cidadãos que nunca efectuem este tipo de actividade sozinhos, com condições atmosféricas adversas ou sem o vestuário adequado, e disso informem os turistas que visitam a nossa Região Autónoma”, conclui o comunicado de imprensa.