Redução em 20% na quota do peixe espada só para Açores e continente, diz a SRMP

Face à informação que circula nos órgãos de comunicação social, regionais e nacionais, dando conta de uma redução na quota do peixe-espada preto para 2021, a Secretaria Regional de Mar e Pescas emitiu um esclarecimento referindo que “a informação transmitida a esta Secretaria Regional é a de que a descida em 20 por cento na quota do peixe-espada, referida nessa informação, não diz respeito à Região Autónoma da Madeira, mas à captura que é feita nos mares do continente e da Região Autónoma do Açores”.

Quanto ao total admissível de capturas (TAC), quer seja para o peixe-espada da Madeira quer para o atum, só deverá ser decidido no decurso do mês de Janeiro, refere a SRMP.

“O Governo Regional da Madeira, através da Secretaria Regional de Mar e Pescas, tem legítimas expectativas de que as actuais quotas se possam manter, com algumas e naturais variáveis, e nesse sentido tem vindo a trabalhar para assegurar que os pescadores e armadores da Região possam manter ou aumentar os seu rendimentos em 2021”, conclui o esclarecimento.