Ponta do Sol contrária a realização de obra pelo GR em plena época balnear

Foto arquivo

A Câmara Municipal da Ponta do Sol refere que enviou ontem, dia 07, um ofício ao vice-presidente do Governo Regional, Pedro Calado, sobre a intenção do executivo madeirense proceder à reparação da protecção marítima da praia da Vila da Ponta do Sol. A autarquia lamenta a pretensão de executar a obra em plena época balnear e o facto de não ter sido auscultada sobre o assunto.

“O executivo desta edilidade considera esta intervenção necessária, no entanto julga que a altura pretendida para a sua realização não é a mais adequada, uma vez que a Ponta do Sol está em plena época balnear. Aliás, o executivo considera lamentável que esta intervenção não se tenha realizado aquando do temporal ocorrido em Março de 2018, sendo que a Câmara Municipal houvera alertado na altura o Governo Regional para a situação em questão”, refere a a CMPS.

Tendo em conta o contexto actual da pandemia e os impactos económico-sociais causados, Célia Pessegueiro considera que “a interrupção deste ciclo da época balnear representa um prejuízo e um defraudar das expectativas de todos aqueles que veem neste período do ano a possibilidade de recuperar da grande quebra de rendimentos provocada pela pandemia da Covid-19”.

A Câmara Municipal da localidade alerta ainda para o grande investimento realizado pela autarquia no desassoreamento do interior do enrocamento da praia, na regularização do calhau e em todas as outras exigências para a classificação de praia de banhos, “sendo que a intervenção que o Governo Regional pretende realizar agora, pela movimentação dos antiferes, poderá colocar em causa a qualidade da água balnear da praia da Vila da Ponta do Sol”.

“Ainda que se diga que os trabalhos decorrerão num período que se estima curto, cerca de uma semana, a intervenção acabará por afastar os visitantes da Ponta do Sol e prejudicará toda a actividade comercial e turística do concelho, já bastante afectada pela Pandemia, com o encerramento forçado e a falta de turistas na Região”, observa Célia Pessegueiro. Por isso, a Câmara Municipal da Ponta do Sol enviou um ofício a Calado, solicitando que os trabalhos de intervenção no reperfilamento do enrocamento sejam reprogramados para o final da época balnear, a partir de 10 de Setembro.