RAM sem novos casos de Covid-19

pedro ramos2

A RAM não tem novos casos de Covid-19, acabou de informar há pouco a vice-presidente do IASAÚDE, Bruna Gouveia, na habitual conferência de imprensa semanal, que conta também com a presença do secretário regional da Saúde e Protecção Civil, Pedro Ramos. Continuam a existir, portanto, apenas dois casos de Covid–19 na RAM, ambos sem necessidade de cuidados hospitalares.

Desde a última conferência, há uma semana, foram regista

dos dois casos suspeitos de infecção pelo novo coronavírus, os quais não se confirmaram. Mantém-se, pois, o total de 92 casos de Covid-19, confirmados e contabilizados na Região. 90 casos estão recuperados.

Os dois casos de infecção activos são os dois casos importados, diagnosticados na terceira semana de Junho, no âmbito das actividades de vigilância implementadas no Aeroporto da Madeira. Os dois doentes estão em confinamento numa unidade hoteleira, sob acompanhamento das autoridades de saúde.

No contexto da nova operação de rastreio dos viajantes que chegam aos aeroportos da Região, iniciada a 1 de Julho, realizaram-se já 670 colheitas no dia 1 e 2 de Julho. O total das colheitas realizadas para teste à Covid-19 nos aeroportos ascende já a 957 testes. Os restantes passageiros apresentaram testes de PCR realizados nas últimas 72 horas, ou então “enquadravam-se nas situações de excepcionalidade previstas na regulamentação em vigor na Região”.

Bruna Gouveia disse que a 2 de Julho foi identificada uma situação suspeita, em estudo pelas autoridades de saúde. Trata-se de um viajante que permanece em confinamento numa residência no Funchal. Está neste momento a ser sujeito a uma análise laboratorial e a uma investigação epidemiológica.

Em vigilância pelas autoridades de saúde, estão até à data 2161 pessoas, agora também com recurso a uma aplicação de vigilância, designada “Madeira Safe to Discover”. Estão identificadas 340 pessoas em vigilância activa.

Relativamente às linhas telefónicas criadas no plano de contingência para a Covid-19, aumentou a procura da linha SRS 24. Durante esta semana, foram 292 as chamadas realizadas. O total dos contactos para esta linha de emergência são agora de 9137, e nas últimas 24 horas, foram 54 as chamadas feitas para a mesma. Na sua maioria, tratou-se de questões relacionadas com resultados de testes e planeamento dos mesmos, relacionados com viagens.

Já quanto a outros testes de despiste da Covid-19 realizados na RAM, até à data foram processadas 24.051 amostras. 20.486 é o número de utentes que foram alvo de teste à Covid-19 na RAM.

No total, e desde a última conferência há uma semana, foram processadas 2043 amostras, no laboratório de patologia clínica do SESARAM.

Nesta conferência de imprensa, o governante com a pasta da Saúde, Pedro Ramos, citou os “números impensáveis” que a pandemia adquiriu por todo o mundo, com mais de 500 mil mortos e dez milhões de infectados.

Por causa destes terríveis números, Pedro Ramos apelou às pessoas que não descurem as medidas de segurança, numa fase de desconfinamento e abertura ao turismo. A economia, salientou, é importante, mas a vida humana ainda mais.

Garantiu, por outro lado, o rigor da estratégia de controle que está a ser aplicada nos aeroportos da RAM.