PJ deteta cocaína em veleiro na marina do Funchal e detém dois homens

A Polícia Judiciária, através do Departamento de Investigação Criminal da Madeira, em cooperação com a UNCTE (Unidade Nacional de Combate ao Tráfico de Estupefacientes), desenvolveu, nos últimos dias, uma investigação de cariz internacional, no âmbito do combate ao tráfico de estupefacientes por via marítima.

Na sequência desta investigação, foi sinalizado um veleiro, suspeito de transportar produto estupefaciente, entre a América do Sul e a Europa.

A embarcação em causa, com bandeira de país estrangeiro, entrou na marina da cidade do Funchal na madrugada de hoje, sendo alvo de busca, em cumprimento de mandado judicial.

Na execução da busca, a PJ contou com o apoio da Polícia Marítima.

Foi apreendida uma quantidade significativa de cocaína e detidos dois homens de 58 e 53 anos de idade, de nacionalidade estrangeira, pela prática de um crime de tráfico de estupefacientes.

Os detidos irão ser presente às Autoridades Judiciárias competentes, para primeiro interrogatório e aplicação de medidas de coação tidas por adequadas.

A investigação contou com o apoio do Maritime Analysis and Operations Centre – Narcotics (MAOC-N), com sede em Lisboa e das autoridades italianas.