“Sábado” destaca que Albuquerque “é um dos suspeitos num processo de corrupção”

Uma notícia avançada há pouco pela “Sábado” na sua edição online afirma que o presidente do Governo Regional da Madeira “é um dos suspeitos num processo de corrupção”. O caso sob investigação, aberta em 2019 no Funchal, “visa indícios dos crimes de participação económica em negócio e prevaricação, para além da eventual violação das regras comunitárias em matéria de adjudicação”.

Em questão está uma suposta relação “entre negócios privados imobiliários de Miguel Albuquerque e o ajuste directo da concessão da Zona Franca da Madeira ao Grupo Pestana”, segundo refere a notícia da “Sábado”.

A “hierarquia do Ministério Público, com a concordância da própria procuradora-geral da República, Lucília Gago, transferiu a tutela do inquérito para o Departamento Central de Investigação e Acção Penal, em Lisboa”, refere a citada publicação.