Madeira regista hoje primeiro recuperado do Covid-19; há mais um infectado, uma jovem mulher grávida

45 doentes com Covid-19, mais um do que ontem, foi o balanço da situação epidemiológica na Região Autónoma da Madeira, hoje apresentada na habitual conferência de imprensa diária com Pedro Ramos, secretário regional da Saúde, e Bruna Gouveia, vice-presidente do IASAÚDE. Uma das características da doença causada pelo novo coronavírus, o longo período de recuperação, fica bem expresso noutro dado apresentado hoje: o facto de a RAM registar o seu primeiro doente recuperado, precisamente também o primeiro a acusar positivo. Trata-se de uma cidadã de nacionalidade holandesa, que estava em confinamento na Quinta do Lorde, e que amanhã deverá regressar de avião ao seu país.

Entretanto, um dos dois doentes internados com Covid-19 no Hospital Dr. Nélio Mendonça viu o seu estado agravar-se e está agora nos Cuidados Intensivos, para onde foi transferido como medida de precaução, dado que tem morbilidades associadas. O doente está a ser ventilado. A outra pessoa que está internada, continua estável e mantém-se na unidade de tratamento do Covid-19.

O novo caso de hoje é uma mulher com idade entre os 20 e os 29 anos, do Funchal, com a particularidade de se encontrar grávida. Apresenta apenas sintomas ligeiros e permanece no seu domicílio, a ser acompanhada pelo delegado de Saúde do concelho do Funchal e pelo seu médico obstetra. Este caso, disse Bruna Gouveia, é de transmissão local, só hoje se tomou conhecimento do mesmo, e está a ser investigado.

Até hoje foram também contabilizados 242 casos negativos. Dois casos aguardam, neste momento, resultado laboratorial.

Os restantes doentes Covid-positivos contabilizados, 28 deles permanecem no domicílio, e os restantes em unidade hoteleira designada.

Entretanto, Pedro Ramos anunciou que os sem-abrigo do Funchal que foram recolhidos no Pavilhão dos Trabalhadores e que foram analisados ao Covid-19, em número de dezasseis, acusaram todos negativo no teste. Uma boa notícia, salientou o secretário regional da Saúde, numa população fragilizada pela sua situação social.

Bruna Gouveia reportou também 631 pessoas em vigilância activa. Nestes incluem-se os cinco profissionais de saúde ontem referidos, e também os já anteriormente referenciados dez bombeiros.

274 pessoas estão em alojamento designado, distribuídos pelo hotel Praia Dourada (26), Quinta do Lorde (95) e 153 no hotel Vila Galé.

Quanto aos contactos em auto-vigilância, cifram-se hoje em 282 pessoas, com a diminuição do número novamente associada ao fim do período de isolamento a que estas pessoas estavam sujeitas.

A linha SRS 24 registou, nas últimas 24 horas, 82 chamadas, totalizando 5166 chamadas desde o início da actividade da linha.