Ireneu Barreto pede rigor à polícia para fazer cumprir novas medidas do Governo Regional

O Representante da República para a Madeira, Ireneu Cabral Barreto, no âmbito da sua competência para fazer executar
as medidas do estado de emergência na Região, solicitou à Policia de Segurança Publica para, se necessário com o auxílio da Guarda Nacional Republicana, fazer cumprir de forma rigorosa as  medidas previstas na resolução do Conselho do Governo Regional nº149/2020, hoje publicada para entrar em vigor às 0:00h de amanhã, que  determinam o condicionamento  do exercício das atividades económicas consideradas não essenciais, nomeadamente no âmbito da venda de jornais e revistas, das oficinas e venda de acessórios automóvel e da construção civil e, ainda o estabelecimento do confinamento obrigatório de todos os cidadãos que vonstituam casos suspeitos de infeção pela COVID-19 pelo período de 14
dias.

“Todas as medidas agora adotadas pelo Governo Regional para serem executadas na Região têm na sua base uma proposta do Instituto de Administração da Saúde e Assuntos Sociais, IP-RAM, preocupado em salvaguardar a saúde pública, e o Representante da República considera que estas se afiguram adequadas e proporcionais – e por isso dentro da legalidade – para responder à pandemia que nos atinge”, refere Ireneu Barreto numa nota emitida.