Casino da Madeira propôs “Midnight Resolutions” para entrar em 2020

Fotos Rui Marote

Na noite da passagem de ano, quando o velho 2019 deu entrada no novo 2020, meio mundo escolheu o Funchal para assistir ao fogo de artifício, oito minutos de assombro a iluminar o céu, a pintar de cores os paquetes na baía e a regalar a vista e a alma.

Nos terraços, janelas e varandas dos muitos hotéis do Funchal, locais e turistas acotovelaram-se para não perder tons de luzes e petardos.

De copo na mão, o foram muitos os que escolheram o Pestana Casino Park para das as boas-vindas a 2020.

O tema proposto foi “Midnight Resolutions 2020” (jantar de gala, espetáculo “Rose Rouge”, fogo de artifício no terraço e acesso às discotecas Garden e Copacabana).

Foi preparado um menu de gala composto por cinco pratos com duas propostas de vinhos nacionais sempre acompanhado pelo pianista.

Às 21H15 subiu ao palco o trio do cantor madeirense Miguel Pires. Uma hora depois foi tempo de espectáculo.

O “Rose Rouge” foi a aposta do Casino da Madeira.

Pelas 23H30 foi tempo de subir ao terraço do Casino da Madeira, um dos espaços mais privilegiados da cidade para visualizar o tão esperado fogo de artificio. Com um flute de espumante e as tradicionais doze passas, o momento foi de grande expectativa para o ano de 2020.

Alguns minutos após o início de 2020 foi tempo de começar a verdadeira festa. A noite continua até de madrugada no Copacabana e no Garden.

A seleção musical ficou por conta do residente Dj Luís Gonçalves, com uma mescla de clássicos de épocas anteriores, com os hits mais recentes.

Por sua vez o Garden ficou a cargo do Dj Michael C, de Phill.Me e de Jay Camara.