Fundação Berardo deixa de estar inscrita na Segurança Social como IPSS

A nova presidente do Instituto de Segurança Social da Madeira, fez publicar hoje uma “Declaração” de cancelamento do registo como Instituição Particular de Solidariedade Social (IPSS) do âmbito da segurança social da Fundação Berardo.

“Declara-se, em conformidade com o disposto na alínea f) do n.º 2 do artigo 8.º, no n.º 4 do artigo 13.º e na alínea b) do art.º 18.º do Regulamento de Registo aprovado pela Portaria n.º 96/91, de 11 de junho, que, na sequência da falta de exercício, durante um período de 3 anos, de atividades necessárias à realização dos fins de segurança social se procedeu, por meu despacho, ao cancelamento do registo com Instituição Particular de Solidariedade Social do âmbito da segurança social da Fundação Berardo”, despacha a presidente do Conselho Diretivo do Instituto de Segurança Social da Madeira, IP-RAM, Micaela Cristina Fonseca de Freitas.