Escola Básica e Secundária Gonçalves Zarco dá a conhecer Madeira na Polónia

A Escola Gonçalves Zarco, no âmbito do programa Erasmus +, mais concretamente do projeto LORESU, que visa promover e divulgar nas escolas o estudo de conteúdos regionais e locais, levou a Wodzislaw Slaski, na Polónia, um grupo de três professores e quatro alunos, para a partilha de experiências de âmbito local e regional. Nesta deslocação foram desenvolvidas na escola anfitriã diversas actividades em que cada país participante (Croácia, Portugal, Espanha, Polónia e Itália) mostraram de que forma as suas escolas e sistemas educativos promovem e estudam os conteúdos regionais nos seus sistemas educativos, refere um comunicado às Redacções.

Nesta deslocação à Polónia, cada escola participante tinha como missão apresentar um pequeno filme onde os conteúdos regionais sobressaíssem. As alunas da EBS Gonçalves Zarco elaboraram um pequeno documentário sobre a música regional, nomeadamente sobre os instrumentos tradicionais madeirenses e destacaram o trabalho realizado pelo grupo Xarabanda, na recolha, preservação e divulgação da cultura e identidade regional. Dos cinco filmes apresentados, o que representou a Madeira obteve o primeiro lugar.

Os alunos tiveram ainda a possibilidade de visitar locais emblemáticos da região da Silésia e da história europeia e universal, como foi o caso do Memorial e Museu de Auschwitz-Bikernau, antigo campo de concentração nazi na Polónia; mas também algum do património cultural e natural das cidades de Cracóvia e Katowice.

Professores, alunos e restante comunidade educativa destacam a importância destas experiências na vida dos alunos, com especial destaque para o reforço e consciencialização da participação cívica e da cidadania europeia.