José Manuel Coelho diz que “há uma Justiça para pobres e outra para ricos”

PTP 3 de outubroO cabeça de lista do PTP, comparou hoje, numa ação de campanha, a autoridade tributária e os tribunais madeirenses ao famoso saque do Funchal, em 1566. Uma expedição de corsários franceses, que sob o comando do capitão Montluc, ocuparam e pilharam a nossa cidade.

Para José Manuel Coelho o sistema de impostos, multas e penhoras praticados pelas finanças são um “autêntico ato de piratearia”, às famílias e às pequenas e médias empresas, recordando que “os grandes empresários estão sedeados nos paraísos fiscais”.

O dirigente do PTP manifestou, igualmente, o seu profundo desagrado pelo sistema judicial português, por considerar que “há uma justiça para pobres e outra para ricos”. Que exclui o povo trabalhador, que não tem dinheiro para pagar os elevados custos judiciais e advogados.

Coelho diz que os cidadãos devem penalizar os partidos da governação (PSD,PS,CDS) pois, no seu entender, são os responsáveis por este sistema injusto, aproveitando para apelar ao voto no Partido Trabalhista