“(Novas) profissões ligadas ao mar” hoje em debate

A Secretaria Regional da Inclusão e Assuntos Sociais, através do Instituto de Emprego da Madeira, enquanto parceiro do projeto GROW RUP, dinamiza a ação temática: “Que riqueza e que empregos podem ser gerados pelas (novas) profissões ligadas ao mar?”.

A ação decorre hoje, dia 21 de março, pelas 9h30, no Hotel Four Views Baía, contando, para o efeito, com uma lista de convidados restrita, dirigida sobretudo a agentes económicos ligados ao setor marítimo.

Com esta ação, inicia-se a 2.ª fase do projeto GROW RUP, um projeto que reúne mais 4 regiões ultraperiféricas da União Europeia, para além da Madeira: Ilhas Canárias, Açores, Reunião e Martinica, e que tem como objetivo reduzir o desemprego, sobretudo o de longa duração. Pretende-se, com esta iniciativa, contribuir para a definição de uma estratégia e de um plano de ação regional que permita ultrapassar os condicionalismos que as regiões ultraperiféricas enfrentam ao nível da empregabilidade.

Serão debatidas questões no âmbito da economia azul e da inovação empresarial nas PMEs, tendências de mercado atuais e futuras, necessidades futuras de empregos azuis e as políticas públicas de promoção do emprego e da formação e reconversão profissional de pessoas desempregadas.

Esta ação contará com as intervenções de responsáveis ligados ao mega cluster do mar, concretamente: Marismar – Aquicultura marinha, Lda., Marítimos Manning Portugal, Lda., Blue Geo Lighthouse, Buggypower – Gestão e Produção de Bio-massa, European International Shipowners Association of Portugal e ainda, a Direção Regional do Ordenamento do Território e Ambiente.

Entre as cerca de 25 pessoas presentes estarão representantes de entidades locais, designadamente o MAR – Registo Internacional de Navios, o Grupo Sousa, a SDM – Centro Internacional de Negócios da Madeira e a Direção Regional de Educação, cujo papel poderá ser fundamental na operacionalização do objetivo do projeto em causa.