Cafôfo entregou moradias a inquilinos com “carências habitacionais graves”

cafofo entrega casasSão duas moradias de tipologia T0 que ontem foram entregues a outros tantos inquilinos com “carências habitacionais graves”, como refere uma nota da Câmara Municipal do Funchal sobre a cerimónia de entrega de chafes, que teve a presença do líder do Executivo da Autarquia, Paulo Cafôfo, bem como da vereadora Madalena Nunes, que tem o pelouro da Habitação Social.

Paulo Cafôfo enalteceu, na ocasião, “o trabalho que tem vindo a ser desenvolvido pelo atual Executivo neste campo. A recuperação e atribuição de moradias tem sido uma ferramenta importante em prol do bem-estar e da qualidade de vida dos nossos munícipes mais carenciados e continuaremos a valorizar a habitação como um direito fundamental dos nossos cidadãos. Estas são oportunidades que encaramos com enorme responsabilidade.”

O atual Executivo criou, pela primeira vez na História da Autarquia, um regulamento que veio definir os critérios para a atribuição de habitação social no Município e, desde 2013, já foram atribuídas mais de 60 novas moradias a famílias do concelho.

Consoante as vagas que vão surgindo no parque habitacional existente, os critérios para atribuição variam desde a degradação da respetiva habitação, até à condição socioeconómica dos munícipes, com peso para casos de doença crónica desabilitante, idade avançada ou violência doméstica, entre outros.