Edgar Silva denuncia abate de árvores na antiga sede do PCP

Fotos partilhadas por Edgar Silva.

O coordenador regional do PCP, Edgar Silva denunciou hoje, no facebook, um “atentado” na antiga sede do partido, na Rua da Carreira, no Funchal.

Enquanto o PCP ocupou o espaço, de arrendamento, ter-lhe-ão limitado a intervenção no pátio traseiro do edifício.

Corte de árvores nem pensar. A Câmara até terá proibido de fazer algumas limpezas elementares, complementou outro ex-dirigente do PCP, Leonel Nunes.

Agora, segundo Edgar Silva há “crime e corrupção. No Funchal, no pátio interior à Rua da Carreira n. 137- 139, mais outro abate de árvores. É crime ambiental. E será corrupção, porque alguém terá dado cobertura a um abate de árvores classificadas e cujo abate estava proibido”, revela.