Onze mortos na época balnear, um deles na baía do Funchal

Imagem praiaA Autoridade Marítima Nacional fez o balanço da época balnear, que teve início a 1 de maio e terminou a 15 de outubro, revelando a existência de 11 acidentes mortais nas praias portuguesas, sendo que um deles ocorreu a 27 de julho na baía do Funchal, vitimando uma sul-africana, tendo como causa da morte o afogamento.

De resto, quatro dos acidentes ocorreram em praias vigiadas, cinco em praias não vigiadas, um em praia após o final da época balnear e um em zona marítima não vigiada.

Em matéria de outras ocorrências registadas no País, verificam-se 322 salvamentos realizados, 969 ações de primeiros socorros e 37 buscas a crianças desaparecidas.