Via expresso para a Ponta do Pargo pronta até junho de 2019

Fotos Governo Regional.

A via expresso para a Ponta do Pargo estará pronta até junho do próximo ano.

A via expresso que liga a Fajã da Ovelha à Ponta do Pargo (sítio do Amparo) estará pronta até final do primeiro semestre de 2019, anunciou, neste sábado de manhã, o presidente do Governo Regional, durante uma visita às obras, juntamente com o vice-presidente do Governo Regional, Pedro Calado, com o secretário regional dos Equipamentos e Infraestruturas, Amílcar Gonçalves, e com o presidente da Câmara da Calheta, Carlos Teles.

O presidente do Governo Regional lembrou o forte investimento feito, realçando que a fase em curso, que inclui a construção de três viadutos e a construção e repavimentação do troço orçam em 34 milhões de euros.

O líder madeirense lembra outros investimentos para o concelho, enfatizando a obra de proteção ao acesso ao Estreito da Calheta e ao Jardim do Mar, que vai garantir maior segurança a todos os que frequentam aquela estrada regional. Uma obra que será, brevemente, apresentada à população.

Obras que revelam o desenvolvimento da Região Autónoma da Madeira e que terão continuidade. E que só foram possíveis devido, conforme enalteceu Miguel Albuquerque, à estabilidade financeira alcançada pela Região.

«Cheguei a pensar, no início deste mandato, que não seria possível fazer esta estrada. Mas, a recuperação económica que conseguimos tornou viável este investimento, bem como outros», disse.

A outro nível, Miguel Albuquerque fez questão de sossegar a população do sítio da Igreja, no Amparo, relevando que será garantido o restabelecimento do Caminho da Igreja, no Amparo, na Ponta do Pargo.

«As pessoas não ficarão sem a sua estrada, será é feito um restabelecimento através de uma passagem superior (ponte)», explicou, em declarações aos jornalistas que acompanharam a visita, mais tarde repetida à própria população do sítio.