SIBS diz que “Euronet” não pediu autorização para permitir levantamentos Multibanco

Euronet
A SIBS diz que a Euronet não pediu autorização, a Euronet diz que as comissões são cobradas pelos Bancos. Foto Rui Marote

Alguns utilizadores das novas caixas de Multibanco instaladas em todo o País, algumas delas a funcionar há algum tempo na Madeira, queixaram-se das comissões cobradas em determinados levantamentos. Houve inclusivé situações de levantamentos de 200 euros que resultaram na cobrança de 15 euros de taxas. A SIBS, entidade que gere a rede Multibanco, explica que a rede Euronet, responsável pelas novas caixas, “não têm autorização para permitir levantamentos da marca Multibanco”.

Estas notícias circularam durante todo o dia em vários orgãos de comunicação nacionais, alguns deles citando a Lusa, sendo que o Jornal de Negócios e o PÚBLICO deram conta da posição assumida pela SIBS, que alertas os utilizadores para o facto de aquela autorização “nunca ter sido pedida, pelo que os consumidores que as utilizem devem estar particularmente atentos às operações efectuadas naquelas máquinas e à possível cobrança de taxas”.

A Euronet já veio explicar que “as comissões são cobradas pelos bancos dos seus clientes em determinados cartões de débito/crédito de dupla funcionalidade, para transações de levantamentos de dinheiro nos nossos ATM em Portugal”.

A rede Euronet foi criada na Hungria, em 2015 e expandiu-se para centros turísticos. Nas respetivas caixas podem ser feitas operações de transferências, sistemas de pré-pagamentos e levantamentos.