CDS quer que Pedro Ramos explique quantos bombeiros a Madeira tem

CDS Roberto Rodrigues
Roberto Rodrigues questiona Pedro Ramos depois de notícia do JM que dava conta de 5000 bombeiros na Madeira envolvidos no POCIF.

O CDS desafiou esta manhã o secretário da Saúde, que tem a tutela do Serviço Regional de Proteção Civil, a explicar à população o verdadeiro efectivo de corpo de bombeiros existente em toda a Região.

Numa nota enviada à comunicação social, o partido refere que “o desafio surge depois de Pedro Ramos ter anunciado publicamente no JM que o POCIF iria contar com o “envolvimento de cinco mil bombeiros para garantir vigilância permanente”, quando o número total de bombeiros nas Região é de 683 efectivos, de acordo com o manifesto de cinco especialistas em ambiente – Hélder Spínola, Raimundo Quintal, Violante Saramago Matos, Thomas Dellinger e Miguel Sequeira – publicado em março deste ano”

Roberto Rodrigues diz que é preciso “falar a verdade às populações”, regista que o Governo Regional tenha colocado em prática, entre 15 de junho e 15 de outubro, “o mais ambicioso e caro” POCIF, mas lembra que os governos do PSD, incluindo o de Miguel Albuquerque, sempre foram contra a utilização do helicóptero  como meio auxiliar de combate mas agora reclama para si a existência deste meio, critica o facto de o PSD ter chumbado recentemente na ALM uma proposta do CDS que prevê um Plano Regional de Defesa da Floresta que privilegia muito mais a prevenção e o envolvimento das câmaras e juntas de freguesia, enquanto o executivo prefere centrar-se no combate aos fogos; e, por fim, o trabalho que está por fazer, que é o cumprimento do Decreto Legislativo Regional 18/98/M que obriga à limpeza dos terrenos, florestais, incultos e agrícolas,