José Manuel Coelho condenado a ano e meio de prisão domiciliária

josé manuel coelho ptpO deputado do Partido Trabalhista Português José Manuel Coelho foi condenado hoje a uma pena de um ano e meio de prisão domiciliária, ficando provados, segundo a juiza Joana Dias, a prática de vários crimes de difamação agravada continuada e de divulgação de fotografias ilícitas.

Segundo o Notícias ao Minuto, citando a Lusa, Coelho foi julgado na Instância Central da Comarca da Madeira juntamente com outros três arguidos, nomeadamente a filha, Raquel Coelho, o ex-parlamentar José Luís Rocha e o diretor da publicação satírica ‘Quebra-Costas’, José Quintal de Nóbrega, pelos crimes de difamação e fotografias ilícitas da juíza Joana Dias, que foi assistente neste processo. Estes arguidos foram absolvidos.