PCP realiza audição pública a 2 de Fevereiro sobre “os custos da insularidade”

O grupo parlamentar do PCP/Madeira realiza, no dia 2 de Fevereiro, às 18 horas, na sala de conferência do Hotel Orquídea, na Rua dos Netos, uma audição pública sobre os custos da insularidade e aquela que, no entender do partido, deveria ser a solidariedade da República no assumir das implicações do principio da continuidade territorial.

Nesta audição pública, participará o deputado do PCP na Assembleia da República, António Filipe.

“Queremos apresentar aquelas que são as desvantagens, os custos acrescidos, as situações de prejuízo ou penalização resultantes da insularidade distante do continente português e, eventualmente, acolher propostas para compensar ou vencer tais problemas”, referem os comunistas.