Há 18 padres que têm filhos e exercem em Portugal

padre giselo monte
O padre Giselo não é o único padre a assumir a paternidade e a manter-se no exercício do ministério. Em Portugal, existem 18 padres, com filhos, que ainda exercem funções.

Uma investigação do Correio da Manhã, hoje divulgada, dá conta que existem, em Portugal, 18 padres com filhos que estão em plenas funções clericais, um número que aquele jornal diz ter conseguido com o apoio da Associação Fraternitas, representando os padres casados.

A situação ganha contornos de interesse público depois do padre Giselo Andrade, pároco do Monte, ter assumido a paternidade de uma menina que nasceu a 18 de agosto, fruto de uma ligação que terá começado em tempo de estudante.

Esta discussão à volta do celibato tem vindo a constituir motivo de debate na opinião pública, sendo que diversos setores da Igreja defendem que o Papa Francisco deveria assumir uma avaliação no sentido de discutir a posição oficial sobre o assunto, que não sendo novo, ganha cada vez mais relevância em termos de renovação da Igreja, uma renovação de mentalidades, dizem os que defendem o fim do celibato obrigatório para os padres.