Santa Cruz com nova ambulância

A Câmara Municipal de Santa Cruz apresentou, esta manhã, à população a nova ambulância dos Bombeiros Municipais, um equipamento que, pela primeira vez, foi totalmente adquirido com fundos da autarquia, e que representou um investimento de cerca de 82 mil euros.

Segundo uma nota de imprensa, esta circunstância foi relevada por Filipe Sousa, que se manifestou orgulhoso do novo equipamento e do que ele representa no socorro à população e de recuperação financeiro do município.

Apontou, por isso, o dedo aos que criticam a taxa municipal de proteção civil, que representa 80 cêntimos por família, mas que tem permitido dar uma atenção aos bombeiros que estavam completamente esquecidos, apesar da importância que têm.

Continuam a ser feitas obras no quartel, foram adquiridos novos meios de proteção individual, novas fardas e agora uma nova ambulância, equipada com equipamentos de primeira linha, dos mais inovadores que existem no mercado, permitindo, por exemplo, a impressão de dados sobre o estado do doente, que podem depois ser entregues no hospital, e vem equipada com o monitor que possibilita a passagem de desenhos animados no caso de transportes de crianças.

O autarca não deixou passar em branco a acusação que lhe foi feita por parte de uma das candidaturas às autárquicas, de que teria proibido a visita ao quartel dos bombeiros. Disse, a propósito, que apenas foi vedado o acesso à zona que está em obras por razões de segurança.

“Os que sempre se esqueceram dos bombeiros, e que os deixaram num estado de abandono, até chovia no dormitório, agora lembram-se que os bombeiros existem com fins eleitoralistas”.

Filipe Sousa elogiou os Soldados da Paz e garantiu que vai continuar a apostar na qualificação dos elementos humanos dos Bombeiros de Santa Cruz, bem como nos equipamentos técnicos.