Polícia fez 14 detenções por condução sob efeito do álcool e 2 por cultivo de cannabis

policia
A PSP fez 21 detenções, entre elas 14 por condução com excesso de álcool e 2 por cultivo de cannabis.

O Comando Regional da Polícia de Segurança Pública da Madeira deu conta, hoje, que “no âmbito do reforço do policiamento preventivo e de proximidade em zonas urbanas e comerciais, promovido pela Divisão Policial de Câmara de Lobos nos concelhos de Câmara de Lobos, Ribeira Brava, Ponta do Sol, Calheta e São Vicente, entre 5 e 8 de agosto, efetuou um total de 21 detenções, decorrentes da prática de diferentes ilícitos criminais”.
Numa nota enviada aos orgãos de comunicação social, a PSP refere que “através do envolvimento e intervenção articulada das esquadras territoriais daquelas localidades com a Esquadra de Investigação Criminal, a Polícia de Segurança Pública realizou 14 detenções por condução sob o efeito de álcool, 3 detenções por condução sem habilitação legal, 1 por desobediência, 1 por resistência e coação e, por fim, 2 por
cultivo de plantas proibidas (cannabis sativa) e fora das condições legais. Nesta última operação, especialmente vocacionada para o combate e investigação do tráfico de estupefacientes, a Esquadra de Investigação Criminal Câmara-Lobense descortinou 2 plantações de cannabis distintas, surpreendendo em flagrante delito os responsáveis
pelas mesmas, resultando na apreensão de cerca de 188 doses diárias individuais. O produto estupefaciente apreendido foi remetido para o Tribunal competente, conforme o preceituado na lei”.
Todos os detidos foram constituídos arguidos e prestaram termo de identidade e residência, com vista à sua apresentação junto da autoridade judiciária.