Dia do Emigrante a 13 de Agosto na freguesia da Ilha

No próximo dia 13 de Agosto, na freguesia da Ilha, decorrerá a XIVª edição do Dia do Emigrante, organizada pela Casa do Povo local, refere um comunicado.

No programa de animação deste dia estão previstas diversas iniciativas.

O programa inicia-se pelas 10h00 com a abertura do espaço, seguindo-se pelas 12h, a actuação de Avelino e Daniel Alves e pelas 13h, a transmissão do programa Abraço da Madeira, da RDP Madeira, em directo da freguesia da Ilha.

“Pelas 13h45, tem lugar a recepção às entidades oficiais, emigrantes e residentes no adro da Igreja local, seguindo-se a Missa a Nossa Senhora do Rosário pelos Emigrantes. Neste âmbito, decorrerá a inauguração dos 7 vitrais colocados na Igreja bem como, uma homenagem a todas as pessoas que contribuíram para os mesmos, entre eles, alguns emigrantes. Trata-se de um contributo para o enriquecimento do património da Instituição paroquial e, por sua vez, da freguesia”, refere a nota de imprensa.

Segue-se a conferência com a temática “O Pulsar da Emigração”.

Prosseguindo a parte formal, a organização reservou um programa de animação ecléctico que contempla despique, folclore, música e dança, servindo de montra daquilo que melhor se faz em termos culturais na região, refere a Casa do Povo da Ilha.

O despique e folclore serão representados pelos “Amigos do Bailinho”, (com Aldora; João Gouveia; António Freitas; Agostinho Pereira; Jaime Correia e Manuel Figueira) e pelo grupo Tradições de Gaula, respectivamente.

Quanto à dança, o espetáculo ficará a cargo do grupo da Casa do Povo Ilha e da dupla de Zumba, Juan Abreu Azucar e Joana Olival, que abrilhantarão este encontro da diáspora madeirense com os seus números de danças rítmicas e modernas.

A arte da música fica a cargo do grupo AoAkaso e Duarte Gomes.

Este ano, os cabeças de cartaz são o humorista nacional Eduardo Madeira, com espectáculo agendado para as 21h e o artista regional Rúben Aguiar e a sua Banda, pelas 22h.

O Dia do Emigrante finaliza com as batidas do DJ Márcio Nóbrega.

O Dia do Emigrante é um dos principais cartazes da freguesia da Ilha, que tem atraído muitos populares. É um evento de homenagem a toda a Comunidade Madeirense espalhada pelos quatro cantos do mundo, em particular dos naturais da Ilha, conclui o comunicado.

A organização aproveita a oportunidade para agradecer todas as entidades públicas e privadas mas também, a particulares que se associam à iniciativa e que, de ano após ano, ajudam a concretizar um programa para todos aqueles que regressam à sua terra natal no Verão.