Sara Madalena quer gahar na Ponta do Sol

A candidatura do CDS-PP aos órgãos autárquicos do concelho da Ponta do Sol formalizou esta tarde a entrega das listas no Tribunal da Ponta do Sol, refere o partido.

Sara Madalena assumiu esta quinta-feira que o objectivo da sua candidatura é vencer as eleições do próximo dia 1 de Outubro e governar a Câmara da Ponta do Sol nos próximos quatro anos. A confiança da candidata do CDS assenta na convicção de que tem a melhor equipa e a mais bem preparada, capaz de colocar em prática ideias novas e positivas para o concelho.

Depois deste processo, a candidatura de Sara Madalena diz-se focada no compromisso maior que é: fixar as famílias na Ponta do Sol através de apoios às crianças e à educação; fomentar a criação de emprego através de apoios à agricultura e às produções industriais e ao turismo; colocar em prática políticas de promoção da qualidade de vida dos idosos, actuando em parceria com outras instituições vocacionadas para esse auxílio servindo refeições, se for necessário; promover políticas de descentralização, refere a nota de imprensa.

“O que está bom é para manter”, assume a candidata. “Temos que alargar o que está bom e o que não estiver bem, queremos fazer melhor. A nossa candidatura é positiva, jovem, dinâmica, unida, amiga, estamos uns pelos outros mas sobretudo todos pelos ponta-solenses”, sublinhou à saída do Tribunal.

A lei da paridade é cumprida à risca. Num total de 70 candidatos (Câmara, Assembleia Municipal e Assembleias de Freguesia), Sara Madalena apresenta 35 mulheres, 35 homens.