PS ‘atira-se’ a “descaramento” de Passos Coelho ao falar do BANIF no Chão da Lagoa

A Secretária-geral Adjunta do PS, Ana Catarina Mendes, aproveitou ontem a apresentação dos candidatos aos Órgãos Autárquicos de Santa Comba Dão para comentar o ‘sound bite’ que veio do Chão da Lagoa.

“Quando esta tarde [ontem] Passos Coelho diz no Funchal que é o Partido Socialista que está a vender ilusões, que afinal de contas o PSD não teve nenhuma responsabilidade no empobrecimento e que até se atreve a dizer que não enganou os lesados do BANIF é bom que nestas eleições nos lembremos das mentiras que foram ditas e do empobrecimento que nos trouxe o PSD e o CDS e sobretudo que não nos esqueçamos que Portugal com o PSD e com o CDS recuou aos anos 60 da emigração, aos anos 80 na economia, aos anos 90 naquilo que é a nossa inovação e a nossa qualificação”, disse.

Também o deputado socialista na Assembleia da República, João Galamba se referiu às declarações de Passos Coelho no Chão da Lagoa nestes termos:

“Depois de ter enganado clientes do Banif entre 2013-5 e de ter sugerido que a resolução do Banif fosse feita em 2016, já com regras mais duras e que teriam criado ainda mais lesados, porque os depósitos também seriam afectados, Passos, com o seu habitual descaramento, vem culpar o governo que resolveu o problema que ele criou e cuja resolução irresponsavelmente adiou”.