Há 50.838 vagas no Ensino Superior e UMa está em contraciclo com apostas nacionais em Engenharia Informática

universidade UMa 1
A Universidade da Madeira, segundo refere o jornal PÚBLICO, suprimiu vagas em cursos de Engenharia Informática, em contraciclo com a aposta nacional.

Começa hoje, quarta-feira, o concurso nacional de acesso ao ensino superior, sendo que o prazo de candidatura à 1ª fase termina no dia 8 de agosto e a 11 de setembro são conhecidos os resultados. Há 50.838 vagas no Ensino Superior, mais 150 do que no ano passado, correspondente ao que se previa por recomendação do Governo para determinados cursos.

Segundo refere uma notícia do PÚBLICO online, as universidades e politécnicos criaram 300 novas vagas para Informática e Física, o que vai ao encontro das recomendações governamentais. “Em nove cursos de Física ou Engenharia Física há mais 72 lugares do que no ano passado. O crescimento na área da Informática é ainda maior. Em 11 cursos de Engenharia Informática há mais 86 vagas. A estas juntam-se outras 136 em licenciaturas e mestrados integrados de Informática ou Computação”, esclarece o jornal.

Em contraciclo surge a Madeira, onde foram suprimidas vagas nos cursos de Engenharia Informática da UMa. O Porto também regista esse indicador, embora mantenha 200 vagas.

A candidatura é feita exclusivamente online em http://www.dges.gov.pt.