CDS-Câmara de Lobos com propostas para revisão do regulamento municipal de bolsas de estudo

O regulamento municipal de bolsas de estudo para estudantes universitários de Câmara de Lobos está a ser revisto.

O tema será discutido em breve pela Vereação e pela Assembleia Municipal, tendo antes a proposta sido sujeita a discussão pública durante 30 dias.

Nesse período, o Grupo Municipal do CDS-PP apresentou propostas de alteração visando alargar o acesso a mais alunos e a colocar o conhecimento e o saber desses em prol do desenvolvimento de Câmara de Lobos, em particular com a possibilidade de os bolseiros poderem, depois de concluída a formação, desenvolver e aplicar projectos no concelho, proposta recusada pela maioria.

Foi também recusada uma proposta do CDS que propunha um valor de 200 euros mensais para a bolsa e direito a duas viagens, mas a maioria recuou para os 150 euros e quanto às viagens prefere entregar a cada aluno 150 euros e cada um faz o que bem entender com esse valor.

A única proposta do CDS aceite está relacionada com a nota mínima de acesso à bolsa, 12 valores quando pelo regulamento antigo, do tempo de Arlindo Gomes, era de 13,5 valores (entretanto as bolsas estiveram estes últimos anos suspensas e só agora voltam por proposta do CDS na Assembleia Municipal).