Susana Prada exaltou importância da sensibilização contra a poluição marinha

No Dia Mundial dos Oceanos, a Secretaria Regional do Ambiente e Recursos Naturais procurou sensibilizar para a questão da poluição marinha, numa conferência realizada no auditório daquela estrutura governamental no Campo da Barca, e que registou também intervenções de cientistas.

A secretária regional Susana Prada sublinhou, na ocasião que “o mar constitui um imenso valor para o nosso futuro, com importância estratégica, relevância científica e potencial económico para Portugal e para a Madeira, em especial”, pelo que apelou a uma “tomada de consciência do real valor do mar para a nossa sociedade”, e para a necessidade de explorar recursos naturais de uma forma sustentável.

Abordou a Estratégia MaRaM, ‘Poluição Zero no Mar da RAM’, projecto com dois anos, e que procura cruzar a educação ambiental e a identificação dos potenciais focos de poluição sistemática, de forma a melhorar a qualidade da água do mar.

Esta “Estratégia MaRaM” tem procurado sensibilizar a população para o facto das águas costeiras estarem sujeitas a diversas pressões, quer provenientes das actividades no mar, quer provenientes das actividades em terra, sendo que a resposta aos desafios que se colocam à preservação do mar exigem um envolvimento de toda a sociedade, referiu.

A governante mostrou-se determinada em assegurar a Política Marítima Europeia e a Estratégia Nacional do Mar.