Torneio Ibérico de Ténis de Mesa na Ponta do Sol a 9 e 10 de junho

Foto DR.

O Salão Nobre da Câmara Municipal da Ponta do Sol recebeu ontem (terça-feira, 6 de junho) a apresentação oficial do 19º Torneio Ibérico, evento a ter lugar nos dias 9 e 10 de junho, no Pavilhão Gimnodesportivo da Ponta do Sol.

Na conferência de imprensa marcaram presença David Gomes (Diretor Regional de Juventude e Desporto), Rui Marques (Presidente da Câmara Municipal da Ponta do Sol) e Paulo Melim (Presidente da Direção da Associação de Ténis de Mesa da Madeira).

A 19ª edição do Torneio Ibérico reunirá um conjunto de meia centena de jovens atletas pertencentes à categoria de Sub-13, em representação de quatro delegações espanholas e outras quatro portuguesas. O evento integra atividade no setor masculino e no setor feminino, numa competição a disputar na vertente de Equipas e Singulares.

As Seleções da Madeira serão constituídas por dez atletas, representantes de seis clubes regionais – ACM Madeira, AD Galomar, CD 1º de Maio, CTM Ponta do Sol, CTM Santa Teresinha e Sporting C. Madeira -, orientados por três treinadores.

Serão oito delegações participantes, contabilizando-se oito dezenas de intervenientes na competição.

Esta iniciativa, fundada no ano 2000 pelas Associações Regionais da Madeira e Andaluzia, tem lugar pela terceira vez na Região, depois das iniciativas em dezembro de 2000 e junho de 2007. O objetivo de desenvolver os melhores talentos de ambos os países tem sido conseguido, num projeto acarinhado pelas delegações integrantes, que interagem na troca de experiências e estratégias locais de desenvolvimento da modalidade.

O programa da competição inicia-se na próxima sexta-feira (9 de junho), pelas 14.00 horas, com a realização das primeiras jornadas da competição de Equipas. No dia seguinte (sábado, 10 de junho), pelas 11.00 horas, têm lugar as finais das provas por Equipas, estando agendadas as finais de Singulares para as 18.00 horas, ao que se seguirá a Cerimónia de Entrega de Prémios.

O Presidente da Câmara Municipal realçou a oportunidade de concretizar este evento na Ponta do Sol, relevando a sua importância para a dimensão desportiva e turística local. Referiu que a aposta na modalidade e neste evento em particular, representa igualmente um impulso positivo na atividade do Clube de Ténis de Mesa da Ponta do Sol, que desenvolve um trabalho meritório na formação dos jovens talentos locais.

Para o Diretor Regional de Juventude e Desporto esta é uma excelente oportunidade para os jovens atletas madeirenses competirem num nível superior, reforçando a estratégia e aposta na realização de eventos na Madeira e a sua eventual viabilidade superior, em termos desportivos e financeiros.

Para o líder associativo, esta é uma estratégia de voltar a apostar na internacionalização do Ténis de Mesa da Madeira, demonstrando a nossa capacidade de receber este tipo de iniciativas e rentabilizar as estruturas existentes. Relevou a importância do apoio da DRJD e CMPS, ao que se juntariam outras entidades privadas, que apoiando em produtos e serviços, tornam possível erguer estes eventos.