Greve na Empresa de Cervejas da Madeira reagendada para 8 de Junho

O Sindicato dos Trabalhadores da Agricultura e das Indústrias de Alimentação, Bebidas e Tabacos de Portugal (SINTAB) emitiu um comunicado de imprensa intitulado “A luta continua na Empresa de Cervejas da Madeira”, dando conta de uma greve no dia 8 de Junho.

A greve que estava agendada para 18 de Maio, foi ontem desconvocada pelo Sindicato, e reagendada para 8 de Junho.

Hoje foi entregue na ECM e na Direcção Regional do Trabalho o pré-aviso de greve. O SINTAB considera que os motivos da paralisação mantêm-se, uma vez que “a empresa rompeu com as negociações de revisão do AE – Acordo de Empresa, na reunião de negociações realizada a 13 de Julho de 2016. “Assim, continua a recusar-se a negociar a proposta do Sindicato de revisão salarial e cláusulas de expressão pecuniárias para o corrente ano”. Ora, o SINTAB espera que o pré-aviso de greve sirva para a empresa alterar a sua posição, aceitando negociar a revisão do AE, nomeadamente os acordos salariais para 2017.