Veja o vídeo de Natal da Assembleia Legislativa da Madeira (Vídeo)

A Assembleia Legislativa da Madeira divulgou o vídeo de Natal 2016 da instituição, com uma mensagem de Natal do presidente Tranquada Gomes.

Pode ver o vídeo e ler a mensagem na íntegra:

“Madeirenses e Porto-santenses. A nossa Festa é uma das tradições que melhor nos transmite o sentimento de identidade e identificação tal é o enraizamento que tem na nossa sociedade.

Vivemos o Natal e a passagem do ano com muita intensidade e muita alegria, à nossa maneira. Sim, as nossas Festas são uma afirmação da nossa diferença enquanto comunidade insular, diferença que nos impeliu à autodeterminação e à Autonomia.

A nossa identidade é a mola impulsionadora do processo de autonomização política da nossa Região.

Comemoramos este ano, 40 anos de Autonomia que deve ser aprofundada para ser mais eficaz para os nossos cidadãos. Uma autonomia ainda mais próxima, inclusiva rumo a uma sociedade mais solidária e mais justa.

A Assembleia Legislativa da Região Autónoma da Madeira, primeiro órgão de poder político da nossa Região, liderou as comemorações dos 40 anos de Autonomia consciente das suas acrescidas responsabilidades políticas.

Um vasto conjunto de iniciativas, em parceria com o Governo Regional da Madeira, colocou na agenda do ano que agora finda, a nossa Autonomia. Desde exposições alusivas ao tema, conferências, concertos, espectáculos artísticos e desportivos passando pela reabertura ao público da Capela de Santo António da Mouraria, procuramos que a nossa Assembleia estivesse mais presente na vida da nossa população.

O resultado foi positivo. A Assembleia esteve dinâmica, junto das pessoas e das instituições. Simultaneamente, mais aberta aos nossos jovens e aos menos jovens.

Este é um desafio do nosso mandato: tornar a Assembleia mais visível e mais presente na vida da nossa comunidade.

Madeirenses e Porto-santenses. Vivemos hoje num mundo cada vez mais global e imprevisível que coloca desafios e novas exigências para os quais temos de estar atentos e preparados. Mas temos também esperança; esperança nas nossas gentes, na nossa capacidade de suplantar obstáculos, de contrariar fatalismos, de construir uma sociedade mais justa.

Votos de Um Feliz Natal e Bom Ano Novo para todos e para as nossas comunidades espalhadas pelo mundo”.