Museus da CMF vão assinalar Dia Nacional dos Bens Culturais da Igreja

museu_henrique_e_francisco_franco

O Museu A Cidade do Açúcar e o Museu Henrique e Francisco Franco, ambos sob alçada da Câmara Municipal do Funchal, associam-se ao Dia Nacional dos Bens Culturais da Igreja, que se assinala a 28 de Outubro, e que este ano, na sua sexta edição, tem como tema «(Re)ver A Arte Cristã».

O Museu A Cidade do Açúcar associa-se a esta comemoração entre os dias 18 e 21 de Outubro, e todos os grupos não superiores a 20 pessoas poderão contar com uma visita guiada, sujeita a marcação prévia, refere uma informação da CMF às Redacções.

“Na Madeira, falar na valorização, salvaguarda e conhecimento do património da igreja, a nível artístico, é necessariamente repassar o poder económico assegurado pelas trocas comerciais do século XVI. A missão do espaço museológico é dar a conhecer aos visitantes os principais testemunhos históricos do período-auge da produção açucareira no arquipélago, marcando um dos ciclos económicos mais significativos de toda a História. No seu espólio, o museu apresenta, assim, colceções de escultura, ourivesaria e mobiliário que reflectem bem o poderio económico derivado do ciclo do açúcar, denominado então como “ouro branco”.

No Museu Henrique e Francisco Franco, terão igualmente lugar visitas guiadas, entre os dias 17 e 21 de Outubro, das 16h às 17h30, que percorrerão a obra dos irmãos Franco, datada da primeira metade do século passado, com natural destaque para todos os elementos com contornos de índole religiosa, refere ainda a autarquia.

Este Dia Nacional é promovido pelo Secretariado Nacional para os Bens Culturais da Igreja e pretende valorizar e fomentar este tipo de património, propondo um novo olhar sobre a arte religiosa, enquanto expressão do culto.