Colocada! Silvana Spínola entra em psicologia na Universidade da Beira Interior

silva1 Estudante do 12.º ano de escolaridade da APEL, Silvana Spínola concretiza o sonho partilhado por inúmeros estudantes: a entrada, este ano, no ensino superior, com toda a expetativa e inquietação que este desafio provoca nos jovens que já começam a encarar os estudos de outra forma.
Psicologia foi a sua primeira escolha e a sorte ditou a Universidade da Beira Interior. Malas aviadas para a Covilhã e a descoberta de um novo mundo. A exemplo de outros estudantes, o FN divulga o testemunho desta jovem.
“Sem dúvida, um verdadeiro desafio vir para a Covilhã, dado que não conhecia nada nem ninguém, portanto, foi realmente uma aventura descobrir e enfrentar o meu novo quotidiano.
Mas tenho de confessar: adorei a cidade! Primeiro, fui conhecê-la e explorá-la sozinha e mudei de ideia, dado que as opiniões exteriores apontavam para iimpressões contrárias às que tenho experienciado desde a minha chegada. A minha visão é extremamente positiva.
Quanto à praxe, também estou a adorar e recomendo que todos adiram, pois a praxe serve para nos integrarmos e conhecermos novas pessoas e a cidade em si. Todas a ideias que passam para a Comunicação Social de que a praxe deve acabar não são corretas. No meu caso e dos meus colegas, a praxe está a ajudar imenso a combater a “solidão” e também aauxiliar na nossa integração e conhecimento do meio.
silva-3 Pois, a saudade, inevitável…Temos de saber lidar com ela mesmo que pareça difícil, pois é a lei da vida e um dia temos que voar e seguir um rumo que seja o melhor para construir um futuro igualmente melhor. É óbvio que, para os ilhéus como eu, custa mais porque não podemos ir aos fins de semana a casa, tal como os nossos colegas, mas sempre temos o pessoal das ilhas que se junta nessas alturas e tudo se ultrapassa.
Da minha parte, o objetivo é fazer o meu curso na Universidade da Beira Interior e lutar pelo meu futuro, pois a formação é cada vez mais fundamental. Tudo é novo e, por vezes, estranho. Mas estou habituada a superar desafios”.
silva2