“Copiar” Antuérpia?

antu2 Texto e Fotos Rui Marote

O Funchal é uma caixinha de surpresas. Esta tarde iniciou-se uma montagem de uma esplanada em frente ao Café Indiana, na Rua do Aljube.

Os transeuntes interrogavam-se sobre a “Indiana” com esplanada.

Pneus pintados,paletes a servir de bancos, a convidar os peões para um um relaxamento no fim da tarde…

Curiosamente, o dono do café tem a fama mas não é o responsável por este aparato. Trata-se de uma iniciativa da Câmara  para a Semana da Mobilidade.

As pessoas poderão utilizar este espaço para ler um livro e ouvir música durante uma semana, ficando sujeitas à poluiçao do trânsito automóvel.

Falta coragem para que o município encerre a Rua do Aljube há mais de uma década de anos.

A Sé, o nosso maior monumento arquitetónico está no centro desta polémica  que continua a degradar-se com as cantarias destruidas em grande parte devido ao movimento automóvel ao seu redor.

Toda esta zona ao seu redor seria uma cópia de Antuérpia e as suas esplanadas envolventes.

Aqui fica o nosso alerta para que não possamos ficar apenas pelas intenções mas procurando logo as soluções.