Festa do Pêro a 17 e 18 de Setembro na Ponta do Pargo

unnamed-1A 32ª. edição Festa do Pêro realiza-se nos dias 17 e 18 de Setembro, na freguesia da Ponta do Pargo. Trata-se de um evento que surgiu em 1984 e que para além de homenagear o fruto rei da Ponta do Pargo pretende igualmente congratular os produtores e agricultores da freguesia mais oeste da ilha da Madeira.

O pêro da Ponta do Pargo distingue-se dos outros frutos devido à sua côr, aroma, sabor, brilho e leveza e é usado como alimento e até como remédio. A sua cultura é realizada em todos os climas temperados e frios e encontram-se nas zonas mais altas.

A Festa do Pêro é organizada pela Casa do Povo da Ponta do Pargo, instituição de Utilidade Pública fundada em 1996, e conta com os apoios do Governo Regional da Madeira através da Secretaria Regional da Agricultura e Pescas, Câmara Municipal da Calheta, Escola Básica da Ponta do Pargo, Paróquia, Junta de Freguesia da Ponta do Pargo, Santander Totta, Grupo Serrão & Filhos e Comércio Local.

unnamed-2Este é um evento que ao longo de dois dias atrai milhares de visitantes, para além da vertente cultural é um veículo promotor da freguesia da Ponta do Pargo e do concelho da Calheta bem como um impulsionador do comércio e economia local, o que eleva a importância da referida festa.

O ponto alto da Festa do Pêro acontece no domingo, 18 de Setembro pelas 16h00 com a saída do Cortejo Alegórico e Etnográfico onde dezenas de participantes retratam os usos e costumes de outrora.

Aliada à este evento, decorre na Rua Dr. Vasco Augusto de França a tradicional Feira Agrícola onde os agricultores das zonas envolventes da freguesia e do concelho expõem e comercializam os seus produtos hortícolas.

Em 2012 iniciou-se uma nova vertente através da Festa do Pêro com a celebração de protocolos de intercâmbio entre culturas tradicionais de diversos locais do país tendo-se recebido nesse ano a Associação Grupo Musical Ilha Azul – Açores, em 2014 a Associação Contradicordes de Oliveira de Azeméis e este ano recebe o Grupo Musical “Amigos da Sexta” de Castelo de Paiva. A comitiva integrará o grupo de música tradicional de Castelo de Paiva e vários empresários que analisarão potenciais investimentos na nossa Região.