Paulo Farinha: Albuquerque deve fazer parceria urgente com Canárias para trazer helicóptero de combate aos incêndios

meios aéreosPaulo Melich Farinha, um dos acérrimos defensores da retoma do “ferry” para assegurar as ligações marítimas entre a Madeira e o Continente, vem agora sugerir que o Governo Regional concretize uma parceria urgente com  Canárias. O objetivo é fazer com que um helicóptero de combate aos incêndios, fabricado na Polónia, possa também vir para a Madeira para um combate mais eficaz dos sinistros, nomeadamente evitando a sua propagação, como aconteceu no Funchal.
O FN reproduz a posição de Paulo Farinha, que aponta algumas sugestões para a viabilização desta parceria.
“O poderoso helicóptero PZL W-3 Sokol, fabricado na Polónia, equipado com duas potentes turbinas, combatem incêndios com condições de vento forte.
O balde utilizado por este helicóptero tem capacidade para 1600 litros de água. Este modelo de helicóptero é utilizado nas ilhas Canárias.
Por exemplo, na cidade do Funchal, poderia, abastecer-se de água doce na lagoa do Parque de Santa Catarina, no Palheiro Ferreiro, nalgumas piscinas privadas,entre outras.
Evidentemente que existiria um plano de segurança rigoroso dos locais de abastecimento de água pelo helicóptero. O que é fundamental é debelar o fogo rapidamente no início e evitar a sua propagação. Em último caso, com a aplicação de água salgada. Devido às alterações climatéricas, inclusive o anticiclone sub tropical dos Açores deslocou-se para junto das Ilhas Britânicas.
Sugiro ao Governo Regional, com urgência, que encete contactos com o Governo de Canárias, para realizar uma parceria entre estes dois arquipélagos da Macaronésia, no sentido do helicóptero PZL W-3 Sokol ser experimentado na Madeira”.
paulo farinha