GNR apreende 20 kg de lapas na Rocha do Navio

lapas3
As lapas apreendidas. Fotos GNR

Durante a manhã do dia de hoje, no decorrer de uma patrulha efetuada pelo Serviço de Proteção da Natureza e do Ambiente (SEPNA), do Comando Territorial da Madeira da GNR,  direcionado à prevenção e vigilância das atividades de pesca exercidas na Reserva Natural do Sitio da Rocha do Navio, foram detetados, na praia do calhau de S. Jorge, 3 sacos contendo cerca de 20KG de lapas em concha vivas.

Junto dos sacos encontrava-se diverso material de mergulho (um par de barbatanas, um fato de mergulho, máscara de mergulho, tubo  “snorkel”, cinturão de pesos, e 2 lapeiras). De imediato  foram efetuadas várias diligências para se detetar o proprietário e responsável por aquela apanha ilegal,  mas as mesmas foram infrutíferas.

lapas1
As lapas foram devolvidas ao mar.

Todo o material apreendido tem o valor presumível de 520€ e foi entregue no Parque Natural da Madeira. A totalidade das lapas foi devolvida ao mar (área da reserva).

De referir que a apanha da lapa na Reserva Natural do Sitio da Rocha do Navio só poderá ser realizada no “calhau”,  estando a apanha através de mergulho expressamente  proibida.

As infrações detetadas sobre esta matéria são punidas com coimas de € 150 a € 500, podendo elevar-se a €30 000 no caso de serem cometidas por pessoas coletivas.

lapas2