PTP lembra história do Ali Babá e dos 40 ladrões em frente do Banco de Portugal

Aptp coligação Partido Trabalhista Português (PTP), Agir, MAS lembrou hoje, em frente à delegação regional do Banco de Portugal (BdP) na Madeira a história do Ali Babá e dos 40 ladrões.

Segundo o cabeça-de-lista da coligação, José Manuel Coelho, o BdP é um “abre-te sésamo” para deixar passar as infracções.

Para o PTP o papel regulador do BdP em relação ao sector bancário deixa muito a desejar como comprovam os casos do BES e do BPN.

Casos em que, segundo José Manuel Coelho, a entidade reguladora “assobiou parta o lado”.

O que, para o PTP, é incompreensível quando se sabe -diz o candidato- que o governador e o vice do BdP “ganham o dobro do Primeiro-Ministro”.