Ai se o cântaro cai…

estepilha

Por debaixo destas varandas, dezenas e dezenas de alunos aproveitam diariamente o intervalo das aulas no Liceu Jaime Moniz para pôr a conversa em dia. Outros transeuntes dirigem-se com frequência aos CTT para as voltas do costume. O que parece passar despercebido é que os cântaros que engalanam as varandas de alguns dos apartamentos do Edifício Freitas podem cair a qualquer momento e fazer estragos. O funcionário da Câmara Municipal do Funchal, que varre habitualmente a rua, já está habituado a levar com as pingas em cima e está a ver qual é o dia em que alguém pode sair lesionado por conta das varandas floridas.