Estudantes do Ensino Superior do Porto Moniz já recebem bolsa de estudo

A Câmara Municipal de Porto Moniz já procedeu ao primeiro pagamento das bolsas de estudo, relativas ao ano letivo 2022/2023, aos estudantes do Ensino Superior do concelho.

De acordo com o Presidente da Câmara Municipal, o apoio de 150€ mês, atribuído pela autarquia, foi já pago na passada sexta-feira, pelo que, durante esta semana, o montante transferido dará entrada na conta bancária dos estudantes que viram a sua candidatura aprovada na última reunião de câmara.

A verba chegará, para já, a 50 alunos do Porto Moniz que recebem, por estes dias, o montante de 150€ de bolsa referente ao mês de outubro.

Emanuel Câmara recorda que “longe vão os tempos em que os estudantes do Porto Moniz recebiam a bolsa apenas em dezembro, uns nuns dias, outros noutros, sempre com a incerteza de quando receberiam aquela tão importante ajuda para os seus estudos”. O autarca destaca que na atualidade, a autarquia leva a cabo um esforço suplementar, tanto a nível financeiro, como a nível de recursos humanos, para que não existam atrasos no pagamento das bolsas de estudo, de forma a que esta não seja uma preocupação suplementar para os nossos estudantes que devem estar concentrados nos estudos. “Com esta ação, procuramos também dar uma motivação extra aos nossos estudantes, numa fase em que se aproxima a primeira ronda de frequências que decorre a partir de meados de novembro”, acrescentou o edil.

A autarquia recebeu, até ao momento, 70 pedidos para atribuição de bolsa de estudo, mas apenas estes primeiros 50 se encontravam devidamente instruídos, com toda a documentação necessária. Os restantes 20 processos serão reanalisados, conforme entrega da documentação necessária, até à última reunião de câmara do mês de novembro, de forma a que as respetivas bolsas sejam pagas até ao fim do presente mês.

A Câmara Municipal de Porto Moniz apoia todos os estudantes de licenciatura, mestrado, doutoramento e cursos técnicos superiores do concelho com uma bolsa de estudo de 1500€/ano, distribuída por 10 meses. Aos estudantes que se encontram deslocados da Região, por motivo de estudos, são ainda reembolsadas, pela Câmara Municipal, três viagens aéreas por ano letivo